Quem precisa de academia? Vá para Nova York!

0

Estou escrevendo este post um dia depois de ter voltado de Nova York e com as pernas doloridas, o braço com aquela dorzinha que os “personal trainers” dizem que é a dor de quem está criando músculos e os ombros em frangalhos. A diferença? Ao invés de academia, eu passei o dia andando em Nova York.

 Fomos para essa viagem, só eu e o Nick, no esquema “Serendipity” ou “vamos ver o que vai rolar”. Não reservei passagens de trem ou de ônibus, não reservei hotéis na cidade. Só sabia que ia para pelo menos um dia na cidade e se a gente quisesse, ficaríamos também o domingo. A única coisa que pensei foi que queria pegar o trem das 6:30 da manhã, que nos deixaria em Nova York em torno das 10:00 da manhã. Mas na sexta-feira, nem eu ou o Nick conseguíamos dormir e 1:30 da manhã perguntei se ele topava pegar o trem das 3:15 e lá fomos nós para a Union Station.

Só comprei a passagem quando chegamos lá e custou US$76.00 cada uma. Isso porque era na última hora, se tivéssemos comprado com antecedência, sairia por US$49.00. Isso para esse horário, porque no horário de rush, o preço dobra ou triplica. As 3:15 estávamos já instalados no trem regional que vai até Boston, super bem confortável, tem tomadas e carro restaurante. Achei que o trem ia estar bem vazio, mas estava quase completamente lotado. Eu dei umas cochiladas entre as estações, mas o trem faz paradas em Baltimore, na Philadelphia, em New Jersey e com o movimento de entra e sai e o carinha gritando a estação pro pessoal não dá pra dormir seriamente. Existe a possibilidade de ir de Business Class e também em um trem chamado Acela que leva menos tempo de viagem, mas não está disponível neste horário. As passagens são obviamente mais caras. Mas a vantagem de viajar tão cedo é que dá pra ver o nascer do sol com Manhattan ao fundo. Lindo demais!

nyc_sunrise
Nascer do sol visto de dentro do trem com Manhattan ao fundo

Chegamos na Penn Station em Nova York as 6:45 da manhã e como o New York Travel Show só iria abrir as 10 da manhã, fomos andar pela cidade. Os termômetros marcavam -1oC com sensação de -6oC, mas o dia prometia temperaturas positivas de no máximo 6oC. Passamos por Times Square e demos uma parada no Bryant Park, que ainda estava com a pista de patinação montada.

panoramaiceskating
Pista de patinação no gelo no Bryant Park

 O Nick, que adora patinar no gelo, logo se empolgou, mas eles estavam fechados aquela manhã para um evento com jogadores de hóquei. Pegamos a informações que eles só reabririam as 11 da manhã para o público e o Nick me fez prometer que ele poderia patinar no gelo quando terminássemos de andar pelo Travel Show. 

Viaje com internet no seu celular

Vai viajar para o exterior? Já chegue no seu destino com o celular funcionando. A EasySim4u oferece plano de dados ilimitados em 140 países, para que você fique conectado a internet. Utilize o cupom para ganhar frete grátis: APRENDIZDEVIAJANTE! Veja meu post: Chip EASYSIM4U: Como usar a Internet na Europa.

Fomos até a Grand Central Station, um dos meus lugares prediletos na cidade que o Nick ainda não conhecia e tomamos café da manhã. A Magnólia Bakery tem uma filial na estação, mas pra meu azar, só abriria mais tarde neste dia.

grandcentral
Grand Central Station

 Aproveitei para tirar umas fotos panorâmicas do interior da estação que é lindíssima e merece a visita.  Fizemos o caminho de volta para o Centro de Convenções que fica perto do rio, mesmo encasacado e com a luva de esquiar, o Nick quase congelou as pontas dos dedos. Não lembrava o quanto faz falta um solzinho pelas ruas de Manhattan por causa dos prédios enormes.

Depois de um dia inteiro no Centro de Convenções para o New York Travel Show, que vai ganhar um post só para ele, pés doloridos e muitas brochuras nas mochilas, resolvemos andar de volta até o Bryant Park. A essa altura, a temperatura estava mais agradável e o  Nick queria patinar no gelo no Citi Pond do Bryant Park. Eu já estava planejando tomar um chocolate quente e procurar um hotel pra gente ficar numa app nova que eu baixei, a Hotel Tonight que tem ofertas ótimas de hotel na última hora. Só que chegamos lá no Bryant Park e a fila estava dobrando o quarteirão. A razão: patinar neste parque é de graça e a pista fecharia no dia seguinte. Consegui convencer o Nick a não enfrentar a fila enorme, afinal estavamos já super cansados e em troca, ele me convenceu a irmos de volta pra DC, já que a previsão para a noite e dia seguinte em Nova York não eram animadoras, com neve e mais frio e chuva.

No total, andamos mais de 10km(sim, eu chequei no Google Maps) pelas ruas da cidade e nem sei quantos quilômetros dentro do Centro de Convenções no New York Travel Show. Podíamos ter pego táxi, metrô ou ônibus, mas o dia estava lindo e eu queria que o Nick visse algumas partes da cidade que ele ainda não conhecia, então resolvemos que andar era mesmo o melhor negócio.

Mas.. eu não contava com a minha falta de preparo físico. No dia, tudo é uma festa, mas no dia seguinte… Tudo dói. Então se você precisa de alguma motivação para entrar na academia, faça uma viagem para Nova York. Eu recomendo começar a academia antes da viagem, mas eu te garanto, que se antes de ir não funcionar, na volta, você vai se inscrever rapidinho. Eu já marquei a minha pra amanhã de manhã, porque em algumas semanas, lá vou eu para Nova York de novo!


Vai Viajar?

Assine a Revista Aprendiz de Viajante! Assine a revista por R$ 120,00 + chip com 30 dias de internet ilimitada gratuita para usar em mais de 140 países!!!! Você sabia que o chip mais barato, de 5 dias, custa mais caro que a assinatura??? Então aproveite!!!! Assine agora.

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa. Mesmo nos Estados Unidos, é altamente recomendado, pois como não existe saúde pública no país, qualquer problema mínimo de saúde pode resultar numa conta altíssima de hospital ou pronto socorro. Nós não viajamos sem seguro nunca. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto de 5% no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: APRENDIZ5.

Reserve o seu hotel no nosso parceiro Booking

Precisa alugar um carro? Reserve o carro na RentCars. A cobrança será feita sempre em reais, sem IOF e você ainda vai poder dividir em até 12 parcelas no cartão de crédito ou ter um de 5% no boleto bancário.

Saia do Brasil com seu chip internacional já funcionando no celular.


DEIXE UMA RESPOSTA

Comente!
Por favor entre seu nome aqui