San Andrés: paraíso no Caribe colombiano

21

San Andrés na Colombia é um destino cada vez mais procurado pelos brasileiros e neste post a Cynara do blog Cantinho de Ná (facebook, twitter, instagram) conta como planejou uma viagem surpresa pra comemorar aniversário de casamento com o marido.  

Para comemorarmos 25 anos que nos conhecíamos e 18 de casados, nossa viagem a dois para San Andrés foi mais do que especial. Resolvi tudo sozinha, o destino era surpresa para meu marido. Comuniquei a data de partida pouco antes para ele se organizar no trabalho mas todo o resto foi surpresa total. Fiz a mala dele sozinha e o destino só foi revelado dentro do avião a caminho de São Paulo.

E por que San Andrés?

Na verdade nunca havia ouvido falar a respeito dessa ilha que fica no Caribe, bem perto da Nicarágua mas que pertence à Colômbia. Cheguei a ela quando estava pesquisando passagens no site da TAM. Estava procurando um destino desconhecido para nós e com bom custo x benefício e San Andrés se encaixou perfeitamente nesse contexto.

A ilha é famosa pelo mar dos 7 tons de azul, mas não é apenas isso que faz com que San Andrés esteja ficando cada vez mais badalada e procurada.

Como chegar

San-Andres-como-chegar

Viaje com internet no seu celular

Vai viajar para o exterior? Já chegue no seu destino com o celular funcionando. A EasySim4u oferece plano de dados ilimitados em 140 países, para que você fique conectado a internet. Utilize o cupom para ganhar frete grátis: APRENDIZDEVIAJANTE! Veja meu post: Chip EASYSIM4U: Como usar a Internet na Europa.

Não há voos diretos partindo do Brasil, todas as companhias aéreas que tem a ilha como destino fazem conexões. A LATAM faz  conexão em Bogotá, Lima e Santiago; a Copa Airlines faz conexões no Panamá, Cartagena, Cali ou Baranquilha e a Avianca também em Bogotá. Essas conexões dependem da cidade de partida. Nós fizemos em São Paulo e Bogotá.

Quando ir

Por ser um destino totalmente voltado à praia, claro que o ideal é ir numa época que chova menos. Frio não se sente por lá em nenhum mês do ano, mas como em toda região do Caribe, aconselha-se ir entre os meses de abril e julho por serem os de menor incidência de furacões, apesar de que San Andrés não está na rota deles. Nós fomos no início de agosto e foi excelente.

Moeda 

COP que são os pesos colombianos. A conversão é bem estranha pra nós, então chegamos a uma fórmula para sabermos o valor das coisas: tira-se os 3 zeros do valor em COP, acrescenta-se 50% do valor a soma, o resultado será o valor bem aproximado em reais. Exemplo: 10.000 COP = R$ 15,00. Fica bem simples :).

Onde ficar em San Andrés

San-Andres-hotel

Há vários hotéis e pousadas. É muito complicado escolher porque as opções vão desde grandes hotéis com estrutura de resorts e sistema all inclusive a albergues e as opiniões dos hóspedes são muito variadas. No geral, os preços dos hotéis são muito parecidos, as queixas são mais relacionadas com atendimento, mas nós não tivemos esse problema.

Nos hospedamos no GHL Sunrise e ficamos muito satisfeitos. É um hotel grande que tem uma prainha particular e uma grande piscina com deck.

Outras opções que achamos interessantes passando por eles durante nossos passeios:

Rede Decameron – são vários espalhados pela ilha com sistema all inclusive ou meia-pensão.

Hotel Arena Blanca

Hotel Casablanca

Sol Caribe

Transporte

Há 3 meios de transporte na ilha:

1 – Carro de golfe – 70.000 COP o dia. Muito lento mas dá pra percorrer toda a ilha;

2 – Mula – 110.000 COP para 2 pessoas e 160.000 COP para 4 pessoas.

3 – Scooter (moto) – 60.000 COP o dia.

Nós alugamos os 3 nessa ordem que listei. Os outros dias estávamos fazendo passeios de barco e não precisamos usar nenhum meio de transporte, fomos caminhando para onde queríamos.

Como o carro de golfe é muuuuito lento, Ricardo no outro dia optou pela mula, e para garantir que não seria tão lenta quanto o anterior, alugou uma para 4 pessoas, mas vimos que o tamanho não influenciava na velocidade.

A moto foi bem legal, nos serviu muito bem ao que pretendíamos.

Não pedem carteira de habilitação para motos, lá em San Andrés tudo (ou quase) pode.

O que fazer

Onde ir de barco

San Andrés é o destino ideal para quem gosta de passear de barco, várias pequenas ilhas a poucos minutos são as atrações mais procuradas pelos turistas.

Acuario

Fica a 10 minutos de San Andrés e tem uma piscina natural com água na cintura onde peixes e arraias passam tranquilamente ao nosso lado. Não precisa nem mergulhar para vê-los com facilidade.

San-Andres-acuario

Haines Cay

No mesmo passeio ao Acuario é possível chegar até essa pequena ilha. Estando no Acuario, basta atravessar um pequeno trecho pelo mar caminhando para chegar lá. Há pequenos bares e restaurantes, mas quando fomos estavam fechados.

Fizemos esses 2 juntos e pagamos 10.000 COP por pessoa. Tem horário marcado para ir e voltar. 

San-Andres-acuario2

Johnny Cay

San-Andres-johnny-cay

Outra ilha 15 minutos de barco de San Andrés, pode ser visitada no mesmo passeio de quem vai ao Acuario, mas nós não fizemos isso, optamos por irmos nela num dia e ao Acuario em outro, vimos que no final da manhã a ilha fica muito cheia com a chegadas dos barcos que levam os turistas aos 2 destinos no mesmo passeio.

Indo apenas a Johnny Cay, chegamos mais cedo e deu pra curtir a ilha com pouca gente.

San-Andres-johnny-cay2

Os passeios pra lá incluem almoço. Pagamos 15.000 COP + 5.000 COP da taxa de entrada na ilha por pessoa. Tem horário marcado para ir e voltar.

Cayo Bolívar 

San-Andres-cayo-bolivar

O mais lindo de todos os passeios que fizemos, mas que está temporariamente suspenso por questões de preservação. O governo colombiano decidiu fechar a ilha por tempo indeterminado. Tomara que consigam encontrar uma solução para não prejudicá-la com o acesso dos turistas. É linda demais, totalmente deserta. É um passeio que dura do começo da manhã até final da tarde. Tinha almoço e bebida incluídos.

Pagamos 150.000 COP por pessoa. Tem horário marcado para ir e voltar.

Sem sair da ilha

Para quem não gosta, tem medo, passa mal, terá poucos dias na ilha, ou por qualquer outro motivo prefere não sair da ilha, San Andrés oferece atrações bem interessantes também.

West View

San-Andres-west-view2

Um lugar onde pode-se mergulhar para ver lindos peixes. É fundo e precisa saber nadar ou no caso de quem não sabe, usar coletes. Tem uma estrutura com bar e lugar pra deixarmos a bolsa. Alugam equipamento de mergulho (máscara e snorkel basicamente). Tem também um tobogã para cair no mar, mas não nos arriscamos, achamos muito inseguro. A estrutura é toda de madeira, mas vimos muita gente brincando nele,

Entrada – 5.000 COP por pessoa.

San-Andres-west-view

La Piscinita

No mesmo estilo de West View, optamos por não ir por serem muito parecidas.

Praia de San Luís

Praia muito tranquila, a faixa de areia não é larga mas dá pra colocar uma canga ou sentar numas das cadeiras que estão disponíveis para aluguel.

San-Andres-sanluis

Hoyo Soplador

Fica próximo a La Piscinita, é uma erupção onde jorra um jato de água, o que eles chamam de ‘sopro’, cobram 5.000 COP para ver, mas não há garantias de que o fenômeno vai acontecer. Paramos e assim que descemos da mula, já vieram nos cobrar, achamos isso muito chato, afinal não estávamos nem perto do lugar. Voltamos pra o carro e desistimos.

Casa Museo Isleña

San-Andres-museo

Museu montado numa típica casa de antigos moradores da ilha. Há uma guia que explica como vivam os nativos e ainda há um espaço onde ela ensina danças típicas para quem quiser participar.

Entrada – 8.000 COP por pessoa.

Voo de parasail 

San-Andres-parasail

Para quem encara uma aventura mais radical, o voo de parasail em San Andrés é uma excelente opção. Fizemos e foi um dos melhores momentos da viagem. É maravilhoso, e de lá vimos não só 7 tons de azul no mar, para nós pareceram mais de 10!

Pagamos 120.000 COP por pessoa.

Alugar um jet ski

Nós não alugamos, mas em todos os hotéis e receptivos, há a opção de alugar um jet ski e conhecer as ilhas próximas, essa é outra forma de chegar até elas, mas paga-se por hora- 150.000 COP.

Mergulho

Não fizemos, mas há opções nos receptivos.

Passeio pela Zona Rosa

É uma região com lojas e restaurantes, destaque para a Avenida Providência onde carros não passam, é um calçadão com lojas que atraem os turistas por não cobrarem impostos.

Onde comer 

San-Andres-restaurante2

Fazemos questão de pelo menos uma boa refeição por dia durante as viagens e em San Andrés fomos surpreendidos. São muitas opções de lugares bons por preços pra lá de convidativos.

Só repetimos um dos restaurantes, fomos uma vez no almoço e outra no jantar. Nos demais dias, fomos conhecer lugares diferentes:

San-Andres-restaurantes

Fisherman Seafood Place – lugar simples mas com comida decente.

Donde Francesca – à beira-mar em San Luís, lugar aconchegante com cardápio elaborado. Muitas opções de lagosta e camarão além de peixes.

La Regatta – restaurante número 1 no TripAdvisor, é aconselhável fazer reserva com antecedência principalmente para o jantar. Ambiente muito bem decorado, montado num deck suspenso mar caribenho. Cardápio excelente e boa carta de vinhos. Ah, e as sobremesas são de babar. Fomos 2 vezes.

Bocca de Oro – bar/restaurante que tem música ao vivo à noite. Cardápio simples, comida bem servida.

CafeCafé – bar/restaurante que tem boas opções de massas. Pratos fartos.

Playoffs – decoração inspirada em jogos, como o nome sugere. É pequeno, com algumas mesas na calçada. Optamos por pizza e saímos bem satisfeitos.

Gourmet Shop Assho – Bistrô super charmoso com uma loja de especiarias, azeites, vinhos junto com o restaurante. Cardápio excelente e carta de vinhos idem.

Mister Panino – Cantina italiana com atendimento muito delicado. Pratos fartos e boa carta de vinhos.

Dicas Úteis

  • Leve sapatilhas próprias para caminhas nas pedras, vai usá-las diariamente em todas as praias;
  • Protetor solar não pode faltar;
  • Pode fazer câmbio no Bancolombia que é seguro e tem boa cotação, mas não esqueça de levar o passaporte;
  • Não deixe de beber a limonada com coco, é uma delícia bem refrescante;
  • O arroz em todos os restaurantes é com coco, se não gosta, peça outra coisa ou pode solicitar sem coco, mas nem todos oferecem essa opção. Como gostamos, não solicitamos;
  • Todos os preços de passeios e aluguéis são negociáveis;
  • Não se assuste com o trânsito de motos pela ilha, são muitas por todos os lados e às vezes com 3 pessoas numa mesma Scooter.
  • Como é preciso fazer conexão em algum lugar, procure escolher um voo com uma conexão mais longa pra aproveitar e conhecer a cidade, nós fizemos isso, conhecemos Bogotá e pagamos apenas uma passagem.

San-Andres-destaque1

Uma coisa que acho válido mencionar. Há quem vá para San Andrés esperando encontrar aqueles grandes hotéis e estrutura turística de outros pontos do Caribe, lá não é assim, ainda é uma ilha pouco explorada e sem estrutura de luxo. Tem lugares confortáveis sim mas outros bem nativos. As ilhas próximas que são pontos turísticos são lugares bem simples.

Ir a San Andrés é para quem ama praia e está disposto a sentir muito calor, ficar boa parte do dia com areia e sal no corpo. Como nós amamos praia, foi perfeito.


Vai Viajar?

Assine a Revista Aprendiz de Viajante! Assine a revista por R$ 120,00 + chip com 30 dias de internet ilimitada gratuita para usar em mais de 140 países!!!! Você sabia que o chip mais barato, de 5 dias, custa mais caro que a assinatura??? Então aproveite!!!! Assine agora.

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa. Mesmo nos Estados Unidos, é altamente recomendado, pois como não existe saúde pública no país, qualquer problema mínimo de saúde pode resultar numa conta altíssima de hospital ou pronto socorro. Nós não viajamos sem seguro nunca. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto de 5% no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: APRENDIZ5.

Reserve o seu hotel no nosso parceiro Booking

Precisa alugar um carro? Reserve o carro na RentCars. A cobrança será feita sempre em reais, sem IOF e você ainda vai poder dividir em até 12 parcelas no cartão de crédito ou ter um de 5% no boleto bancário.

Saia do Brasil com seu chip internacional já funcionando no celular.


21 COMENTÁRIOS

  1. Adorei o post. amei a paisagem… so queria saber quando mais ou menos foi gastado com tudo… passagem hotel e passeios. obg

    • Rafaela, no post tem um link Viagem a dois para San Andrés, clique nele que será direcionada para um post com todo o planejamento, nele estão todos os custos que tivemos antes e quando voltamos foi atualizado com o que gastamos lá.

  2. Muito bom o post. amei a paisagem… queria saber quanto mais ou menos foi gasto com tudo… passagem hotel e passeios. Pretendo ir em lua de mel , bjs

    • Katia, no post tem um link Viagem a dois para San Andrés, clique nele que será direcionada para um post com todo o planejamento, nele estão todos os custos que tivemos antes e quando voltamos foi atualizado com o que gastamos lá.

  3. Adorei o post!!! Um dos mais interessante que realizei leitura ultimamente. Mas tenho perguntas.
    Você fechou pacote com a Tam? Somente comprou passagens e fechou passeios em agências na cidade?
    O custo da viagem final da viagem?.
    Obrigada.

    • Comprei apenas as passagens com a TAM Andressa, todo o resto da viagem fui contratando em separado. Para saber o custo da viagem, no post tem um link Viagem a dois para San Andrés, clique nele que será direcionada para um post com todo o planejamento, nele estão todos os custos que tivemos antes e quando voltamos foi atualizado com o que gastamos lá.

  4. Muito legal San Andrés, estou no meu último dia, dos 7 que programei aqui. Fiz todos os passeios do post, mas eu recomendo o mais top de todos: o mergulho nesse mar incrível, o ápice dá viagem, é indescritível a sensação, somente sentindo mesmo. Se vás fazer, procure uma boa empresa, fiz pela Banda Dive Shop, equipe atenciosa, preparada. Enfim.. San Andrés é um lugar encantador, vale muito a pena.

  5. Sensacional!
    Muito bom este post. As imagens nos deixa realmente com vontade de conhecer.
    A cor deste mar é algo indescritível. Estou realmente interessada em conhecer.
    Parabéns.

  6. Fui no começo desse mês com meu esposo. Os valores já estão um pouco mais altos. Acho legal colocar aqui, pois quando pesquisei antes de ir, fiz lá cálculos com base em alguns posts e nenhum deles coincidiu com o que pagamos lá. O carrinho de golf por exemplo pagamos 120 mil pesos. A mula estava 150 mil pesos e precisa devolver com o tanque cheio. Fizemos o passei para Johny Cay / Aquário e pesquisando em alguns lugares, conseguimos uma agência que cobrou 40 mil pesos por pessoa. Um passeio que amamos foi o Aquanautas, vc desce aproximadamente 5 metros no fundo do mar com uma espécie de escafandro e caminha com a ajuda de um guia. São 20 minutos de caminhada e vale super a pena. Eles fazem um vídeo e tiram fotos pra vender depois. O passeio custou 120 mil pesos por pessoa e as fotos com 2 vídeos custaram 80 mil pesos. Ah, outra dica legal que pegamos em alguns sites foi sacar o dinheiro direto da conta corrente em algum dos bancos da Colômbia. No final das contas mesmo com o iof saiu bem mais em conta do que comprar pesos na casa se câmbio. Espero ter ajudado quem está de planejando pra ir.

  7. olá, lindas fotos, vou agora no fim de novembro. 🙂 cayo bolivar está fechado e mesmo assim o Hotel ofereceu o passeio? qual hotel? o GHL?

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente!
Por favor entre seu nome aqui