Visitando o Museu Dalí em St Petersburg na Flórida

9
dalimuseum
dalimuseum

É bem provável que você já tenha pelo menos ouvido falar de  Salvador Dali,  o irreverente pintor espanhol mais conhecido pelo seu bigodinho ou seus quadros com “relógios derretidos”. O que talvez você não saiba, é que existe na Flórida um museu dedicado a ele que tem a maior coleção de obras de Dalí fora da Espanha.

O Dylan descobriu Dalí recentemente (tivemos que fazer uma busca por obras de Dalí em DC e descobrimos apenas uma na National Gallery of Art – East Wing) e na nossa viagem anual para Flórida fiz questão de colocar o museu no roteiro e não me arrependi… a visita ao museu Dalí  é uma delícia para todas as idades, mas tem atividades especiais para crianças e famílias.

O museu, que ganhou um novo prédio em Dezembro de 2010, é dividido em três andares. A arquitetura do prédio é fantástica e só ela já vale a visita. Ela foi projetada pelo HOK – maior escritório de arquitetura dos EUA.

 

DentrodoMuseu
Dentro do Museu

 

Viaje com internet no seu celular

Vai viajar para o exterior? Já chegue no seu destino com o celular funcionando. A EasySim4u oferece plano de dados ilimitados em 140 países, para que você fique conectado a internet. Utilize o cupom para ganhar frete grátis: APRENDIZDEVIAJANTE! Veja meu post: Chip EASYSIM4U: Como usar a Internet na Europa.

Na vertical
Na vertical

 

No primeiro andar, a gente já entra dentro da loja com centenas de artigos inspirados nos trabalhos de Salvador Dali. Lá tem de tudo um pouco, inclusive os relógios derretidos em versão funcional.  Nesse mesmo andar também há um café e os guichês para compra de ingressos.

 

Loja
Loja

 

O ingresso dá direito a um audio tour que é muito interessante para entender um pouco mais da obra de Dalí. Há uma versão especial para crianças que é muito divertida, e as obras que constam no audio tour são identificadas pelo bigodinho do Dalí – eu sempre prefiro a versão infantil dessas visitas a museu! O Audio Tour está disponível em Inglês e Espanhol.

 

dylanaudiotour
Dylan no Audiotour

 

O terceiro andar é onde ficam as obras de Dalí. O museu tem quadros de toda a carreira do artista de 1904 a 1989 – são 96 quadros em pintura a óleo, além de esculturas, sketches e outros artefatos. Há vários tours gratuitos durante o dia, explicando um pouco mais das obras, mas o  museu pode ser aproveitado mesmo que você não fale uma palavra de inglês. 

Um pouquinho de história… 

A história do museu é interessante… ele foi fundado com as obras coletadas por Reynolds and Eleanor Morse. Eles conheceram o trabalho de Dalí em 1942 enquanto visitavam uma exposição itinerante do Museu de Arte Moderna de Nova York em Cleveland Ohio. Em 1943 eles compraram o primeiro quadro, se tornaram amigos de Dalí e sua mulher Gala(que dá nome ao café do museu) e continuaram a colecionar suas obras nos anos seguintes. Eles resolveram então fundar um museu em Cleveland, Ohio para abrigar as obras de Dalí que compraram e mais tarde o museu se mudou para St Petersburg, na Flórida. 

Voltando ao museu… 

A coleção é impressionante – o museu abriga 7 das 18 “masterpieces” de Salvador Dalí, mais do que qualquer outro museu. Resolvemos fazer o “scavenger hunt” das obras de Dalí com o Dylan. A idéia é encontrar e marcar as obras a partir das descrições dos quadros e enquanto isso aprender um pouquinho mais sobre elas e observar em detalhes. É sempre muito legal fazer essas atividades com as crianças, porque a gente acaba descobrindo coisas interessantes, brincando. Ah. um detalhe, não se pode fotografar dentro das galerias, então pra ver o “Lobster Phone” ou o “Desintegration of the Persistence of the Memory (da série dos relógios derretendo) tem que ir lá!

 

Você sabia?

Para ser considerado uma “Masterpierce”, a pintura tem que ter pelo menos 5 feet ou 1 metro e meio em qualquer direção e ter sido trabalhada por mais de um ano.

 

Além das pinturas, há também esculturas e um telão para mostras audiovisuais. Depois de visitar as galerias, voltamos ao 1o andar para entregar o equipamento do audio tour e passamos pela salinha de atividades para crianças, que funciona o dia todo(fecha uma hora antes do museu fechar). O Dylan fez um Dalí na colher, fez quebra-cabeças e ainda trouxe alguns desenhos para pintar em casa.

 

dylancriandodali
Dylan fazendo Dali na colher

 

Nós fizemos bigodinhos e posamos para fotos em frente a reprodução dos quadros. 

 

bigodinhosdali
Posando com bigodinhos

O museu tem várias atividades para crianças durante o dia, com contação de histórias, tour para os pequenos e dias dedicados a famílias. Vale a pena ficar de olho no calendário. Passamos uma tarde super agradável explorando o museu e aprendendo um pouco mais sobre as obras do Dalí. Recomendo muitíssimo uma visita ao museu na sua passagem pela Flórida.

Nossa visita ao Museu Dalí foi cortesia de Visit St Petersburg & Clearwater 

 

Informações Úteis:

The Dali Museum

Endereço: One Dali Blvd St. Petersburg, FL USA 33701

Preço: Adultos: $21 , Crianças de 13 a 17 anos e estudantes com carteirinha $15, Crianças de  6 a 12 anos: $7 , Crianças abaixo de 5 anos: Gratuito . Depois das 5 da tarde as quintas-feiras:  $10

Horário de funcionamento: Segunda  a Quarta-feira – 10:00 – 17:30
Quinta: 10:00 -20:00
Sexta& Sábado: 10:00am – 17:30
Domingo: meio dia -17:30

Estacionamento no local por US$5.00


Vai Viajar?

Assine a Revista Aprendiz de Viajante! Assine a revista por R$ 120,00 + chip com 30 dias de internet ilimitada gratuita para usar em mais de 140 países!!!! Você sabia que o chip mais barato, de 5 dias, custa mais caro que a assinatura??? Então aproveite!!!! Assine agora.

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa. Mesmo nos Estados Unidos, é altamente recomendado, pois como não existe saúde pública no país, qualquer problema mínimo de saúde pode resultar numa conta altíssima de hospital ou pronto socorro. Nós não viajamos sem seguro nunca. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto de 5% no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: APRENDIZ5.

Reserve o seu hotel no nosso parceiro Booking

Precisa alugar um carro? Reserve o carro na RentCars. A cobrança será feita sempre em reais, sem IOF e você ainda vai poder dividir em até 12 parcelas no cartão de crédito ou ter um de 5% no boleto bancário.

Saia do Brasil com seu chip internacional já funcionando no celular.


9 COMENTÁRIOS

  1. Olá, quanto tempo você acha que leva para conhecer o museu com calma? Vou de Orlando para lá. Acha que dá para casar uma visita a uma praia de São Petesburgo e depois o museu do Dalí no mesmo dia?
    Obrigado

  2. Ola!
    Bem legal o seu blog! Parabéns!
    Estivemos na Flórida e voltamos semana passada.
    Começamos a viagem em Miami, depois fomos à Key West, Naples (Bonita Bay), St. Petersburg, Clearwater, Tampa, Orlando, Cabo Canaveral e Boca Raton!
    Sensacional… a não ser por um detalhe que gostaria de deixar um alerta:
    Tivemos uma péssima experiência com o hotel Postcard Inn on the Beach em St. Petersburg.
    Fizemos uma reserva de dois quartos, para passar o ano novo.
    Na reserva já pagamos todas as taxas, com mais de um mês de antecedência. No checkin, solicitaram um deposito de 100 dólares por quarto, podendo ser em dinheiro ou cartão, para cobrir eventuais despesas com café da manha (que não é incluso), ou no bar do hotel. Tomamos café da manhã no hotel e usamos o bar da piscina, achando que a diferença que pudesse ocorrer com o valor depositado inicialmente seria cobrado no checkout.
    Eis que, um dia antes do checkout, o gerente do hotel vai ao quarto do meu filho, com 2 seguranças pedir que quitássemos a dívida de pouco mais de 80 dólares com urgência. Fomos até a recepção e demos o cartão de crédito para quitar a dívida, porém reclamamos das circunstâncias, que era desnecessária a situação, ainda mais com seguranças, que as contas seriam pagas, obviamente, uma vez que só em diárias já estávamos gastando mais de 1500 dólares. Nisso, acobertado pelos seguranças, o gerente disse que não poderíamos reclamar disso e que chamaria a polícia para nos retirar. Paramos com a reclamação, apesar de estarmos certos, para evitar mais transtornos. No dia seguinte, na hora do checkout, pedimos para a atendente da recepção fechar nossa conta e fornecer um recibo do valor pago. A mesma disse que não poderia fazer, apenas a gerência e que precisaríamos esperar por 4h. Novamente reclamamos sobre a prestação de serviço, a atendente se retirou para ligar para a gerência, como solicitamos, e logo chegou a polícia. A atendente ligou para a polícia por instrução da gerência e não nos informou. A polícia, ao ouvir as duas partes, ordenou que a atendente fechasse nossa conta e nos desse o tal recibo. Ou seja, chamaram a polícia e esta acabou por concordar conosco. Ao final, o policial ainda pediu desculpas pela situação e pediu para que não deixássemos que tal circunstância manchasse a imagem da Flórida, que maus prestadores de serviço existem em toda parte.
    Mas infelizmente esta história nos causou constrangimentos e deve ser repassada.
    Mais alguns aspectos a serem considerados: o hotel apresenta 2 andares, sem elevador e não auxilia no carregamento das malas, apenas oferece os carrinhos. Presenciamos muitas pessoas de idade tendo que carregar suas malas pelas escadas que são escorregadias feitas de lajotas vermelhas (daquelas antigas) e sempre molhadas. Corredores sujos. Wifi não funciona nos quartos, apenas nas áreas externas. Ar condicionado e aquecedores são centrais (por mais que no quarto tenha o mecanismo para controle, este não funciona, a temperatura fica como estipulada pela central).
    Único ponto positivo do hotel foi o garçom do café da manhã, simpático e prestativo.
    Obrigada pelo espaço para alerta aos próximos viajantes!

    • Que chato esse constrangimento! Eu amei a cidade e não tive qualquer problema por lá. Além do Museu Dali, visitamos também o Holocaust Museum e a área do The Pier Aquarium de onde tirei lindas fotos.

  3. Ola! Adorando seu blog! Me fale da sua experiência…
    Tenho apenas um dia em Saint Pete e quero visitar o Museu Dali e o do Holocausto e ainda pegar o por do sol em Clear Water que deve acontecer por volta das 17h.
    Entao minha ideia seria chegar em um dos museus na abertura, 10h e ir no outro no período da tarde. Vc acha q da tempo?

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente!
Por favor entre seu nome aqui