Hotéis agradando a criançada para fisgar os pais

12
experiencias
experiencias

Viajar com crianças, principalmente bebês é uma delícia, mas só passando pela experiência pra saber o tanto de coisa que a gente tem que carregar para que a adaptação ao local de destino seja a mais tranquila possível.

Em nossas viagens, notamos que alguns hotéis são super “kid friendly”, enquanto outros não tem o menor preparo para receber as crianças, principalmente os bebês em “idade exploratória”. Quando se vai para uma cidade como Orlando, que é um destino reconhecido para famílias e crianças, as opções são mais fáceis de ser encontradas, mas neste post eu mostro que é possível encontrar em destinos variados, hotéis que facilitam a vida dos pais viajantes.

Quando fomos a Europa, o Dylan tinha apenas 8 meses e ficamos em hotéis mais legais aproveitando que metade da viagem já estava paga por conta do trabalho. Em todos eles, tanto em Paris como Marselha e Londres notamos que a atenção para com os bebês era extrema. No J.W. Marriot de Londres por exemplo, foi só avisar que tínhamos um bebê que além do bercinho ganhamos um kit básico de shampoo, sabonete, talco e também um kit de protetores de tomada. Em Paris, também num Marriot, mas Renassaince, nos acomodaram num quarto maior, para dar mais espaço para o berço. Em Marselha, mesma coisa, mas era da rede Ramada. Nos deram um quarto mais espaçoso para que o Dylan pudesse engatinhar a vontade na quase uma semana que passamos por lá.

Nos Estados Unidos também tivemos boas experiências. No Ritz da Philadelphia por exemplo, eles tem uma caixa cheinha de brinquedos para as crianças escolherem na hora do check in. Tudo bem que não tinham opções específicas para menores de três anos, mas na fase em que o Dylan estava, que era gostar mais do pacote que do brinquedo, um carrinho “Hot Machine” devidamente embalado, serviu de distração. Além do bercinho providencial.

Nem todas essas opções estão explicitas nos sites dos hotéis quando se faz a reserva, então na dúvida, pergunte na hora do check in se há algum programa especial para crianças ou bebês.

Viaje com internet no seu celular

Vai viajar para o exterior? Já chegue no seu destino com o celular funcionando. A EasySim4u oferece plano de dados ilimitados em 140 países, para que você fique conectado a internet. Utilize o cupom exclusivo para leitores do blog APRENDIZDEVIAJANTE e receba frete gratuito! Veja meu post: Chip EASYSIM4U: Como usar a Internet na Europa.

Resorts são conhecidos por seu clubes especializados em crianças, alguns tem inclusive programação exclusiva para diferentes faixas etárias. Mas mostrar atenção com os pequeninos agora virou parte do pacote de marketing de vários hotéis, inclusive os de redes populares, que já estão oferecendo mimos como parte da estadia.

A rede Marriot por exemplo, anunciou o “Tots travel too” em cinco hotéis da sua rede: Courtyard Marriot, Fairfield Inn and suites, Residence Inn, SpringHill Suites e Townplace Suites. Além de bercinhos com roupas de cama da Coverplay, um brinquedinho para a banheira que você pode levar pra casa, coberturas para as tomadas do quarto, luz noturna e também um kit com shampoo, sabonete e condicionar especialmente para os pequenos. Na área de café da manhã eles oferecem babadores descartáveis.

Nos hotéis da Holiday Inn em todo mundo, crianças de até 12 anos não pagam estadia ou refeições no programa “Kids Stay and Eat Free”. E até 19 anos não pagam a estadia quando ficam no mesmo quarto dos pais.

O Westin, da rede Starwood, tem o programa “Westin Kids Club “. Enquanto os pais fazem o check in,as crianças recebem uma sacolinha cheia de surpresinhas e pra quem viaja com bebês, a sacolinha vem com itens úteis como band-aids, toalhinhas descartáveis, cobertura para as tomadas e o famoso abajurzinho de tomada.

Os hotéis da Rede Sheraton também permitem que as crianças fiquem de graça no quarto dos pais, se usarem as acomodações existentes. Alguns dos hotéis da rede tem um serviço de Baby Sitter, que muitas vezes são funcionários do próprio hotel ou contratados de uma agência conveniada ao hotel.Vale a pena quando os pais estão pensando em dar uma saidinha pra um jantar a dois, fato que confesso, não consigo nem pensar em fazer, estando numa cidade estranha. Mas,

Nada como chegar em um hotel e notar que as crianças são bem vindas, não é mesmo? Acho que finalmente eles entenderam a máxima de que “quer agradar aos pais, trate bem os filhos”.

Atenção: Alguns hotéis cobram a parte por berços e camas extras para crianças, então leve em conta que as regras podem variar dentro da mesma rede e entre em contato com o hotel para checar as opções disponíveis antes de fazer a reserva.

E vocês? Tem alguma dica de hotel para compartilhar que seja kid friendly ou que oferece serviços extras para acomodar as crianças?


Vai Viajar?

Assine a Revista Aprendiz de Viajante! Assine a revista por R$ 120,00 + chip com 30 dias de internet ilimitada gratuita para usar em mais de 140 países!!!! Você sabia que o chip mais barato, de 5 dias, custa mais caro que a assinatura??? Então aproveite!!!! Assine agora.

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa. Mesmo nos Estados Unidos, é altamente recomendado, pois como não existe saúde pública no país, qualquer problema mínimo de saúde pode resultar numa conta altíssima de hospital ou pronto socorro. Nós não viajamos sem seguro nunca. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto de 5% no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: APRENDIZ5.

Reserve o seu hotel no nosso parceiro Booking

Precisa alugar um carro? Reserve o carro na RentCars. A cobrança será feita sempre em reais, sem IOF e você ainda vai poder dividir em até 12 parcelas no cartão de crédito ou ter um de 5% no boleto bancário.

Saia do Brasil com seu chip internacional já funcionando no celular.


12 COMENTÁRIOS

  1. Clau, algo errado com o blog- os posts não aparecem, apenas os títulos e quando clico em “ler mais” vem só as fotos e os comentários…
    Quero propor fazer um guest post sobre a Istria (croácia)- com bebê- fomos ano passado e foi muito legal- vou tentar escrever essa semana. O problema é que estou sem os guias de viagem que acabaram se perdendo…
    bjs
    b

    • Bibi,
      eu instalei um plugin de linguagem que estava detectando automaticamente a linguagem do Browser e ai, redirecionava pra pagina em ingles, que ainda nao tem posts. Mas já desativei. 🙂
      Quanto ao guest post, ia ser o máximo!!!! 🙂 Fico no aguardo!

  2. Nossa, que post cheio de infos legais. Adorei todas, não conhecia várias: não sou do tipo que ama resort, prefiro viagens “hoteis normais” que tratam bem criancas, onde as criancas são bem-vindas.

    EStas “caixinhas” para as crianças são fantásticas heim

    beijos

    Pati

    http//coisasdemae.wordpress.com

    • Pati,

      Eu tambem não sou chegada a resort não e a maior parte desses hotéis(ou grupos) listados são mesmo hotéis normais.
      Eu dou uma estrelinha a mais pra eles, quandovão além do trivial para agradar as crianças. 🙂

  3. Olá
    Infelizmente no Brasil isto não acontece. Resolvi escrever porque ando muito chateada com o que anda acontecendo no Brasil e acho que já está na hora dos pias que tem filhos (e gostam de viajara com eles) começar a fazer alguma coisa. Tenho encontrado no Brasil uma resistência muito grande, principalmente no Nordeste a aceitarem crianças. Tenho um menino de 3 anos e já viajamos para vários países da europa com eles. Nunca tivemos o menor problemas. Já paramos em hotel, albergue e pousadas e as crianças são sempre bem vindas. Não gostamos de grandes hoteis. Preferimos pousadas, por que acreditamos serem mais charmosas, e que tenham área verde para podermos andar com ele. No entando, tenho tido cada vez mais recusas, com as mais diferentes desculpas. Hoje me falaram que é por falta de segurança!! Estou até agora sem entender como um pousada pode ser insegura para uma criança…
    O que sobra são os grandes hotéis (e caros) ou os resorts (barulhentos) e impessoais.
    Acho que não sou a unica que tem enfrentado esta situação e gostaria de compartilhar com vocês.
    Abço,
    Eliana

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente!
Por favor entre seu nome aqui