Santo André na Bahia

0

Santo André na Bahia é um daqueles lugares onde o sossego ainda reina. Sim, o Brasil foi descoberto pelos portugueses lá em 1500, mas a Costa do Descobrimento que conta com lugares badalados como Porto Seguro, Arraial d’Ajuda, Trancoso e Espelho, ainda guarda segredinhos e lugares quase intocados. Santo André na Bahia, entrou no mapa dos desejos viajantes apenas em 2014, depois que a seleção da Alemanha usou o vilarejo como base para os treinamentos da Copa do Mundo. Os sábios alemães aproveitaram os dias de sossego entre um jogo e outro no Campo Bahia Hotel, um paraíso de frente para o mar.

Como Chegar em Santo André na Bahia

Com cerca de 800 habitantes, a vila de pescadores está a 27 km de distância ao sul de Porto Seguro, na Bahia e apenas alguns poucos sortudos se aventuravam por lá. A oferta de voos para Porto Seguro é extensa de vários lugares do país. Depois de chegar a Porto Seguro, o ideal é alugar um carro (ou combinar o transporte com o hotel ou pousada) e seguir em direção a Santa Cruz Cabrália. O Rio João de Tiba é então atravessado de balsa, que sai a cada hora durante o dia. 

Atenção: Lembre-se de levar dinheiro em espécie para Santo André, ou sacar quando chegar no aeroporto, porque os estabelecimentos na vila não aceitam cartão e para achar um caixa eletrônico, só mesmo em Cabrália.

Onde se Hospedar em Santo André na Bahia

Viaje com internet no seu celular - PROMOÇÃO DE BLACK FRIDAY 30%

Vai viajar para o exterior? Já chegue no seu destino com o celular funcionando. A EasySim4u oferece plano de dados ilimitados em 140 países, para que você fique conectado a internet. Utilize o cupom de desconto da BLACK FRIDAY para ganhar 30% de desconto APRENDIZDEVIAJANTE ! Esse é o maior desconto que eles dão no ano! Veja meu post: Chip EASYSIM4U: Como usar a Internet na Europa.

Quando fui a Santo André, me hospedei no Campo Bahia mas a pequena e pacata cidade tem várias opções interessantes de hospedagem. De hotéis de luxo a pousadinhas, é possível encontrar um hotel para o seu bolso.

Onde Comer em Santo André na Bahia

A ruazinha principal de terra batida tem pousadas, hotéis e restaurantes para atender o crescente número de turistas. Há restaurante independentes, como o Gaivota, que com suas mesinhas de frente para o rio proporciona uma das melhores refeições com vista da vila.

Alguns hotéis e pousadas tem restaurantes que servem também quem não é hóspede e as surpresas são muitas, já que um lugar tão pacato e simples, conta com uma culinária tão diversificada. O Caju dentro do Campo Bahia Hotel, serve uma comidinha mais sofisticada com toques locais e o Floridita na Pousada Corsário tem várias delícias. Se estiver com saudade das massas, dê uma passadinha no Sant’Anas

Na alta temporada o vilarejo ferve, mas sossego é ainda o sobrenome de Santo André e é fora da temporada que se aproveita toda a beleza do local. A baixa temporada porém, tem seus percalços, certifique-se do que abre no almoço ou jantar para não ficar na mão e de barriga vazia.

O que fazer em Santo André na Bahia

Com ecossistema riquíssimo, rios, praias, mangues e área de proteção ambiental, a população local dá as boas-vindas aos turistas, mas tenta a todo custo preservar seu estado natural que tanto encanta a quem visita.  A praia de Santo André, também apelidada de “Praia do 7 a 1” no trecho em frente ao Campo Bahia Hotel, tem faixa de areia extensa, e caminhando para a direita, é possível ver o encontro com os rio João de Tiba e os seus coqueirais à beira-mar.

 

Aliás, caminhar pela Avenida Beira-Mar que vira Avenida Beira-Rio, é um ótimo programa para o fim de tarde. Aproveite para dar um mergulho no rio e  descobrir algumas das pérolas locais.

rio e mar em santo andre bahia
O encontro do rio com o mar em Santo Andre

À noite, alguns moradores locais montam as barraquinhas da Feira Criativa com bijuterias e peças de artesanato local.

Quando bater a canseira da sombra e água fresca, é possível fazer passeios pelos rios João de Tiba e visitar as piscinas naturais e os corais em Coroa Alta (leve uma sapatilha para os pés). Aproveite a visita para ir até a cidade histórica de Cabrália que fica na parte alta da cidade. 

Além da igreja de Nossa Senhora da Conceição, a vista panorâmica que se tem do alto é lindíssima.

Em Coroa Vermelha, visite o centro cultural Indígena Txag’ru Mirawe que tem por missão preservar a cultura e história dos índios Pataxós. O artesanato em madeira tem souvenirs úteis e baratos para levar pra casa.  

Tire um dia para visitar Guaiú, que fica a pouco mais de 5 km de Santo André, para nadar no encontro do rio com o mar e provar o famoso Arroz de Polvo da Maria Nilza.

Estrela da casa e figura local conhecida por todo mundo, Maria Nilza aparece sempre pelas mesas para cumprimentar os visitantes e presenteá-los com um bilhetinho da sorte e um trevo de quatro folhas que ela cultiva no seu jardim.

Eu garanti o meu, afinal boa sorte a gente não dispensa, não é mesmo?

O restaurante e a popularidade do arroz de polvo começaram por acaso. Em 1994, época em que o Guaiú era desconhecido e isolado, apareceram duas turistas pedindo pra Maria Nilza preparar uma ceia de Natal. Sem ter onde comprar ingredientes para preparar uma ceia, ela fez um prato com o que tinha em casa – Arroz e Polvo. Assim nasceu o famoso prato do restaurante, que custa R$195,00 para duas pessoas.  

Diz ela que comer muito bem não é gula, é prazer. A barraca em frente a praia não tem luxos, não tem luz, a comida é feita no fogão a lenha e o caminho do estacionamento ao restaurante e as mesinhas e cadeiras são decorados com capricho. Não saia de lá sem visitar o banheiro inusitado.  

Sim, a vida em Santo André parece até que passa mais devagar. Aproveite para desligar do mundo e recarregar as baterias nesse recanto de tranquilidade, enquanto esse pedaço do Brasil não é descoberto!

Visitei Santo André a convite do Campo Bahia Hotel. Todas as opiniões aqui são minhas.


Vai Viajar?

Assine a Revista Aprendiz de Viajante! Assine a revista por R$ 120,00 + chip com 30 dias de internet ilimitada gratuita para usar em mais de 140 países!!!! Você sabia que o chip mais barato, de 5 dias, custa mais caro que a assinatura??? Então aproveite!!!! Assine agora.

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa. Mesmo nos Estados Unidos, é altamente recomendado, pois como não existe saúde pública no país, qualquer problema mínimo de saúde pode resultar numa conta altíssima de hospital ou pronto socorro. Nós não viajamos sem seguro nunca. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto de 5% no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: APRENDIZ5.

Reserve o seu hotel no nosso parceiro Booking

Precisa alugar um carro? Reserve o carro na RentCars. A cobrança será feita sempre em reais, sem IOF e você ainda vai poder dividir em até 12 parcelas no cartão de crédito ou ter um de 5% no boleto bancário.

Saia do Brasil com seu chip internacional já funcionando no celular.


COMPARTILHAR
Artigo anteriorCampo Bahia Hotel – Luxo pé na areia
Próximo artigoPromoção Relâmpago Zarpo

Claudia Beatriz trocou as praias do Rio de Janeiro pela vizinhança da Casa Branca em Washington DC em 2004 e se mudou em 2014 para Orlando, onde vive atualmente. Apaixonada por Viagens e Fotografia, criou esse blog e a revista Aprendiz de Viajante. Quando não está escrevendo sobre viagens ou fotografando, a “nerd confessa” dá consultoria, treinamento e escreve sobre tecnologia, gerenciamento de conteúdo e mídias sociais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente!
Por favor entre seu nome aqui