Virginia Beach – Nosso Roteiro de Praia e Sol

11

Saímos de casa bem cedinho em sentido contrário ao tráfego que levava todo mundo para o trabalho. Trocamos também dias nublados e de chuva por três dias ensolarados. O carro devidamente abastecido de gás e malas, para um dos nossos programas favoritos: roadtrip. Era a última semana de férias de verão das crianças, Nícollas estava se preparando para começar no College, Dylan a pré-escola e resolvemos que era hora de explorar um pouco mais da Virginia, o estado que faz fronteira com DC e tem tanto para oferecer. O destino escolhido: Virginia Beach. E se tem praia no nome, já tem 50% de chance de que eu vá gostar muito do lugar, no verão então, as chances sobem para 60%. 

A cidade praiana fica a pouco mais de 3 horas de DC. São 335km de DC ou 208 milhas, boa parte delas na I-95, que tem pistas enormes e garante uma viagem sem muitos atropelos, se você não estiver dirigindo na hora do rush. Muitos vídeos, livrinhos de colorir e música garantiram que o Dylan ficasse entretido boa parte da viagem. O Nicollas trouxe o Kindle e jogos no PSP e eu fiquei mesmo no iPhone, respondendo emails, monitorando o site, batendo papo no twitter, enquanto o marido dirgia e quando me dei conta já estavamos chegando.

Quando a gente se aproxima da cidade, já nota as construções que mudam, o estilo mais despojado, praiano tomando conta da paisagem. Parece que o arzinho do mar vem nos recepcionar ainda na estrada. Como chegamos cedo e o checkin no hotel seria somente as 4 da tarde aproveitamos para fazer um lanchinho, porque ninguém tinha fome, depois de vir comendo besteirinhas pelo caminho.

As crianças queriam ir logo pra praia, então fomos visitar o “First Landing Park” que é o parque mais visitado da Virginia. Ele fica na Chesapeake Bay e é dividido em duas áreas distintas. Pagamos US$4.00 pelo estacionamento, que dá direito a usar as duas áreas do parque o dia inteiro e ainda oferece um mapinha com as informações sobre o local. De um lado da estrada, fica a área com as trilhas e as mesas de picnic.  Fomos recepcionados por um esquilinho faceiro na entrada de uma das trilhas.

esquilos
esquilos

O parque tem 9 trilhas, com mais de 20 milhas no total. Fizemos  as mais simples, por causa do Dylan. Mas durante a nossa estada, vimos familias inteiras explorando o parque de bicicleta e outros preparando para trilhas mais complexas. Muitas árvores diferentes, pantânos, lagos, tudo numa estrutura bem acessível.

Viaje com internet no seu celular

Vai viajar para o exterior? Já chegue no seu destino com o celular funcionando. A EasySim4u oferece plano de dados ilimitados em 140 países, para que você fique conectado a internet. Utilize o cupom exclusivo para leitores do blog APRENDIZDEVIAJANTE e receba frete gratuito! Veja meu post: Chip EASYSIM4U: Como usar a Internet na Europa.

Trilhas
Trilhas

Do outro lado da rodovia fica a segunda parte do parque. Deste lado ficam o escritório do parque, o Centro de Informações e é possível chegar a parte da Baía de Chesapeake por aqui.

chesapeakebay
Chesapeake Bay

Além de uma mini exposição sobre o Aquário da cidade, que já tinha sido muito recomendado e já estava na nossa lista, o Centro de Informações também conta um pouca da história do parque. Aqui foi o primeiro lugar onde os membros da Virginia Company desembarcaram. Eles fizeram o 1o assentamento na cidade de Jamestown, que fica há poucas milhas do local.

firstlanding
Centro para visitantes

Aliás, a cidade de Jamestown, assim como Williamsburg que fica também bem próximo de Virginia Beach estão na nossa listinha para voltar urgente e visitar.

Depois de algumas horas de entretenimento no parque, fomos para o hotel fazer o checkin. Ficamos no Comfort Inn Suites (Não confundir com o Comfort Inn que fica três quadras antes e sim, a gente sabe disso, porque se confundiu e entrou no hotel errado) de frente para o mar. O hotel que é super bem recomendado no Trip Advisor, não decepciona. Ele fica completamente pé na areia… todos os quartos são suítes com varandas de frente para o mar, então não tem como pegar localização ruim do quarto. Vista completa para a praia. Ele vai ganhar um review bem completinho, mas se estiver na pressa de reservar um hotel, nem pense duas vezes!

virginiabeach
Praia em frente ao hotel

Foi só o tempo de chegar no quarto, trocar de roupa, colocar um biquini e partimos para a praia. O mar apesar de algumas ondas, é bem tranquilo. A água não é quentinha, mas também não é fria. É daquelas que no 1o mergulho você já se acostuma com a temperatura. E por falar em temperatura, não podíamos ter pego dias mais lindos e quentes na medida certa, sem fazer um calor extremo que mal dá pra aguentar ficar no sol. O Dylan adorou pular ondinhas e não queria saber de sair da água. Sentamos na beira da praia para deixar as ondas virem ao nosso encontro. E se nesse ponto você está se perguntando onde estava a minha camera, eu te digo, bem guardada, enquanto eu botava a mão na massa e fazia castelinhos de areia com ele. Ficamos brincando por lá por horas até alguém reclamar de fome. Não, eles não tem vendedores na areia da praia com queijo coalho e sucolé do claudinho, mas tem restaurantes ótimos por toda parte no calçadão.

Voltamos para o hotel para tomar banho e saímos caminhando pela beira da praia. Finzinho de tarde, o sol se pondo e começa o movimento no calçadão. Famílias inteiras, crianças correndo, casal de namorados e até uns grupinhos de adolescentes que devem veranear pela cidade. Tem gente andando de patins, de skate, de bicicletas. O clima é bem família mesmo e seguro e foi uma das coisas que me fez gostar muito de lá. Essa sensação de liberdade, caminhar de havainas sem se preocupar com nada. Tranquilidade total. Mas não se engane, tem atividades pra quem quer badalação.  Há palcos em toda a extensão do calçadão em áreas preparadas com um gramado e no verão há shows diários do projeto chamado “Beach Street USA” com músicas que vão do clássico ao Rock and Roll. Escolha o seu ritmo, estenda sua toalha no gramado ou traga sua cadeira de praia e aproveite. Música não é sua praia? Em alguns palcos eles fazem encenações teatrais, em outro números circenses. Acredite em mim, atrações não faltam.

Alguns blocos de caminhada depois encontramos o nosso destino: o Restaurante Catch 31 que fica no belíssimo Hotel Hilton em frente a praia e ao parque Netuno.

catch31restaurant
catch31restaurant

O Restaurante tem mesas dispostas de forma mais casual do lado de fora, um bar e mesas mais aconchegantes dentro do restaurante. Escolhemos ficar nas mesas do lado de interno, porque o D. que não tinha dormido o dia inteiro estava prestes a dormir. O garçom nos acomodou numa mesa com poltrona, que o D. achou convidativo o suficiente para tirar a soneca ali mesmo. O Catch 31 é um restaurante bem moderninho, mas bem family-friendly, o que acredito ser quase um requerimento para estar em Virginia Beach. A especialidade da casa são os frutos do mar. Ficamos tentadíssimos a experimentar uma das Signature Seafood Towers que vem com Lagostas, Patas de caranguejo, camarões, Ostras e outras delícias que serve de 2 a 4 pessoas, mas no final, acabamos optando por várias comidinhas separadas. De entrada, um pãozinho quentinho delicioso. O meu prato, Shrimp and Chicken Gorgonzola estava maravilhoso. Daqueles que dá vontade de pedir pra embalar meia dúzia pra viagem e comer o resto da semana a mesma coisa.

foodcatch31
Meus pratos

Fechamos a noite com um pudim de pão de sobremesa. Na saída estava acontencendo um show de música “Country Rock” no parque Netuno e as mesas do restaurante que ficam em frente a praia estavam lotadas, todo mundo aproveitando o som.

catch31outside
O restaurante Catch31 do lado de fora

Na saída do restaurante, uma lua linda iluminando o mar. Já não era mais lua cheia, mas ainda assim incrível. Anotei na agenda que a próxima visita a cidade será na época de Lua cheia para ver a majestosa nascendo no mar.

Lua iluminando o mar
Lua iluminando o mar

Agora me diz se tem gente melhor de terminar o dia? Não mesmo.Caminhamos de volta ao hotel, cansados, mas satisfeitos com nosso primeiro dia na cidade. Virginia Beach nos surpreendeu e estávamos prontos pra encarar o 2o dia que nos reservaria algumas aventuras!

Viajamos a convite do VisitVirginiaBeach.


Vai Viajar?

Assine a Revista Aprendiz de Viajante! Assine a revista por R$ 120,00 + chip com 30 dias de internet ilimitada gratuita para usar em mais de 140 países!!!! Você sabia que o chip mais barato, de 5 dias, custa mais caro que a assinatura??? Então aproveite!!!! Assine agora.

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa. Mesmo nos Estados Unidos, é altamente recomendado, pois como não existe saúde pública no país, qualquer problema mínimo de saúde pode resultar numa conta altíssima de hospital ou pronto socorro. Nós não viajamos sem seguro nunca. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto de 5% no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: APRENDIZ5.

Reserve o seu hotel no nosso parceiro Booking

Precisa alugar um carro? Reserve o carro na RentCars. A cobrança será feita sempre em reais, sem IOF e você ainda vai poder dividir em até 12 parcelas no cartão de crédito ou ter um de 5% no boleto bancário.

Saia do Brasil com seu chip internacional já funcionando no celular.


11 COMENTÁRIOS

  1. Claudia,

    nem imaginava que tinha uma praia bem pertinho de DC. As fotos ficaram lindas… e o seu filho deve ter aproveitado muito.

  2. […] Virginia Beach, VA – Muito mais que uma cidade praiana, Virginia Beach tem atividades que agradam a família toda. Aquario, passeio de barco para ver golfinhos, parasail, kayak e um calçadão animado, com restaurantes e atividades durante todo o ano com bandas de música, festivais e durante o verão, uma queima de fogos as quartas-feiras seguida de shows pelos palcos do calçadão. Acabamos de voltar de uma visita a cidade e nos apaixonamos. […]

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente!
Por favor entre seu nome aqui