Austria: Explorando a rota cultural TRANSROMANICA na Europa

4

A Áustria é muito conhecida por causa das cidades de Viena e Salzburgo, mas durante o verão eu tive a oportunidade de conhecer algumas cidadezinhas menores na região de Carintia, que fica na divisa com a Eslovênia. A minha viagem foi parte da rota temática que explora as ligações culturais européias e foi muito interessante ver como as cidades européias são conectadas através da história e temas. Nessa viagem concentramos nas rotas culturais TransromanicaRoman Emperors and Danube Wine Route na Áustria, Eslovênia e Sérvia. Foi uma viagem incrível por vilarejos, cidades medievais, monastérios e catedrais que começo contando neste post.

Antes de contar da viagem, vou eu explicar um pouquinho sobre as rotas culturais e a Transromanica pra vocês entenderem do que se trata. Com certeza você já ouviu falar delas, mas pode não estar ligando o nome as rotas.

O que são as “Cultural Routes of Council of Europe”?

As rotas culturais foram lançadas em 1987 pelo Council of Europe para mostrar como as heranças culturais de um país estão ligadas aos outros países e assim formam uma herança cultural compartilhada entre eles. Vocês já devem ter ouvido falar do Caminho de Santiago da Compostela, provavelmente uma das rotas culturais mais famosas que liga países como França, Portugal, Espanha, Itália, Alemanha, Bélgica, Luxemburgo e Bélgica ou da Via Régia, que liga países como Bielorussia, Belgica, França, Alemanha, Lituania, Polonia, Espanha e Ucrania. São 32 rotas culturais até o momento e algumas delas são ótimas para quem tem interesses específicos, como a rota das cerâmicas, a rota das cidades fortificadas(que eu quero muitooo fazer!), os caminhos de Mozart, a rota de Napoleão e a Via Francigena (que a Thais, nossa correspondente acabou de fazer e que leva a Roma e ela vai começar contando tudo pra gente em breve). As rotas que exploramos foi a rota dos Imperadores Romanos e o rota do vinho no Danúbio e Transromanica que começo a contar pra vocês aqui.

A rota TRANSROMANICA

A rota TRANSROMANICA foi estabelecida em 2007 e é um passeio de volta aos tempos medievais. Eu adoro cidades medievais, então fiquei muito animada quando fui convidada para essa viagem. A TRANSROMANICA tem como objetivo mostrar a ligação dos países através da arquitetura romanesca presente em castelos, catedrais e monastérios construídos entre os séculos 10 e 13. Para quem adora arquitetura, para identificar a romanesca é só ficar de olho nos arcos arredondados, paredes grossas e planos simétricos e harmoniosos.

Oito países entre o mar Báltico e o Mediterrâneo fazem parte atualmente da TRANSROMANICA.  As cidades e vilarejos que tem atrações da rota Transromanica são:

  • MillstattMaria Wörth e Friesach, na região de Carintia na Austria que são as cidades que eu visitei e vou contar neste post;
  • Modena(que eu já visitei e amei!), Pavia e Albugnano na Italia;
  • Saxony-Anhalt na Alemanha;
  • Sérvia(que eu também visitei nessa viagem e vou contar num post separad0);
  • Santo Domingo de Silos em Castile & Leon na Espanha;
  • Tâmega e Sousa em Portugal;
  • Alba Iulia na Romenia ;
  • Paray-le-Monial em Burgundy na França.

Agora que já entendemos um pouquinho do que se trata, vamos ao nosso roteiro?

Millstatt na Áustria

A cidadezinha fofa de Millstatt (B no mapa) foi a nossa primeira parada na Áustria e parece saída de um cartão postal! Chegamos lá no fim da tarde, depois de uma viagem de carro saindo do aeroporto de Ljubljana na Eslovênia . Fizemos checkin no Hotel Posthof, Millstatt, que apesar de ser bem simples,  tinha uma vista maravilhosa para o lago Millstatt, o segundo maior lago dessa região de Carintia na Áustria.

millstattvistadolago

Eu aproveitei para fazer um video ao vivo de lá, então vejam aqui as minhas primeiras impressões.

Fomos jantar na abadia de Millstatt e assistimos um concerto com o quarteto Harmonia Variabilis que toca com instrumentos medievais.

showmedieavalnaabadia abadiafora

Na manhã seguinte, começamos o dia com um tour pela abadia de Millstatt, que é com certeza um dos prédios mais reconhecidos do vilarejo, com suas torres com domo pintado em vermelho.

abadiafora

A entrada tem um fresco impressionante, que foi retirado e hoje fica dentro da capela, por causa da ação do tempo.

abadiafresco

A abadia é certamente uma das atrações mais importantes de arquitetura romanesca nessa região de Carintia.

abadia1

Ela foi um monastério beneditino fundado em 1070 e foi passando por diferentes grupos religiosos através dos tempos. A abadia que a gente vê hoje data do século 12 e continua impressionante com seus arcos e esculturas de animais.abadiadentro

Velden am Wörthersee na Áustria

Nossa próxima parada foi a cidade de Pörtschach onde começamos um tour de bicicleta de cerca de 8 km até a cidadezinha de Velden am Wörthersee (C no Mapa). Existem várias estações de bicicleta pela região e elas custam a partir de 15 euros por 2 horas. Fizemos o nosso tour com a empresa XXX e a estradinha é bem tranquila e sinalizada. O dia estava lindíssimo e pudemos aproveitar bastante e é um passeio que eu super recomendo.

bike

Velden é uma cidade as margens do lago Wörthersee, o maior da região da Carintia e onde as pessoas vem passar o verão. A cidade é uma fofura.

velden

As margens do lago tem praias públicas, mas a grande diversão por aqui é sair pelo lago num barco.

praiaaustriaca

casteloveldenhotel
Castelo em Velden que agora é um hotel

Andar de bicicleta, de barco, fazer trilhas… tem opção que não acaba mais nessa região da Áustria. 

Aproveitamos para almoçar  no Restaurante Acqua em Velden, com vista para o lago. Uma ótima pedida se você for visitar a cidade.

vistadoaqua
Vista do restaurante

A comida é deliciosa e os preços são bem razoáveis!

almocovelden

Pyramidenkogel, Keutschach am See

Depois do almoço subimos a montanha até o Pyramidenkogel (D no mapa) que é um dos pontos mais altos da região (815 m) e de onde se tem uma vista incrível do lago, dos alpes e até da Eslovenia a distância.

pyramidenvogel

A estrutura de madeira e alumínio tem 100 metros e lá de cima você pode não só tirar fotos maravilhosas, como descer no divertidíssimo tobogã a 25 km/h no maior tobogã coberto da Europa. Ah, se tobogã é moleza pra você, tem também zipline! Ele custa 11 euros para adultos, 8 euros para jovens de 15 a 18 anos, 5.50 euros para crianças de 5 a 15 anos e gratuito para crianças menores de 5 anos. O Pyramidenkogel abre o ano inteiro, mas tem horários diferentes no inverno e verão, então dê uma olhada no site antes de ir.

A vista é incrível lá de cima!

vistadopyramidenvogel1

Lá de cima vimos uma vilarejo muito curioso que fica no lago e é super fotogênico. Descobrimos que se chama Maria Wörth e seria a nossa próxima parada.

mariaworthvistodoalto

Maria Wörth na Áustria

Chegamos em Maria Worth (E no mapa) já no finalzinho da tarde e fomos direto para o tour na duas igrejas. Maria Worth era uma ilha até 1770 e é um dos mais antigos assentamentos no lago Wörthersee. A primeira igreja, St. Mary, foi construída em 875 no ponto mais alto do vilarejo depois da cristianização na Áustria. A segunda foi construída em 1150, mas ambas acabaram destruídas em um incêndio em 1399 e depois foram reconstruídas no estilo que tem atualmente: gótico. As igrejas são muito populares para casamento e hoje se chamam S. Primus e Feliciano e a segunda, Winter Church ou igreja de inverno.mariaworth1

mariaworthigrejagrande ocemiteriomariaworth igrejasmariaworth

pyramidvogel
O pyramidenvogel visto de Maria Worth

igrejaanoite

Em Maria Wörth nos hospedamos no Hotel Jutta que fica super bem localizado no vilarejo e jantamos no lindíssimo restaurante do Hotel Linde.

Friesach na Austria

Nosso último dia na Áustria começou com uma visita a um castelo medieval – O Erlebnis Burgbau – que está em construção em Friesach (F no mapa). Eles usam materiais e técnicas medievais para a construção, então o projeto vai durar 33 anos até que ele esteja completo, mas é possível ver as pessoas trabalhando, os animais e uma maquete de como vai ficar o castelo em visitas guiadas.

trabalhadormedieval

Depois dessa visita, fizemos uma caminhada do centro de Friesach até o Petersberg Castle. Você pode subir pelas escadarias ou então fazer uma caminhada mais relaxada, por entre a floresta que fica ao lado do castelo.

castelopetersburgDepois dessa caminhada, você chega lá em cima preparado para comer! Nosso almoço foi no Burgschenke no castelo onde eu comi algumas das tradicionais comidinhas da região.

ribsmedieaval

O castelo tem um museu e uma capela e abriga vários eventos durante o ano. Na semana que fomos estava acontecendo um festival medieval com atividades como arco e flecha, comidinhas, música e mais. A vista de Friesach lá de cima é de tirar o folego! friesachdotopo Veja aqui o vídeo que eu fiz ao vivo lá de cima:

Saí de lá encantada. Passamos dias memoráveis na Áustria, explorando cidade fora da rota tradicional turística e eu adorei! Nossa viagem para explorar a Rota TRANSROMANICA estava só começando e no próximo post dessa série eu contarei como é a conexão com a Rota TRANSROMANICA na Sérvia.

Nota: Este post é parte da campanha Crossing Routes – Blogging Europe 2016 no programa conjunto entre o Council of Europe e a European Commission que tem como objetivo promover as Cultural Routes of the Council of Europe, em colaboração com iambassador.


Vai Viajar?

Assine a Revista Aprendiz de Viajante! Assine a revista por R$ 120,00 + chip com 30 dias de internet ilimitada gratuita para usar em mais de 140 países!!!! Você sabia que o chip mais barato, de 5 dias, custa mais caro que a assinatura??? Então aproveite!!!! Assine agora.

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa. Mesmo nos Estados Unidos, é altamente recomendado, pois como não existe saúde pública no país, qualquer problema mínimo de saúde pode resultar numa conta altíssima de hospital ou pronto socorro. Nós não viajamos sem seguro nunca. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto de 5% no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: APRENDIZ5.

Reserve o seu hotel no nosso parceiro Booking

Precisa alugar um carro? Reserve o carro na RentCars. A cobrança será feita sempre em reais, sem IOF e você ainda vai poder dividir em até 12 parcelas no cartão de crédito ou ter um de 5% no boleto bancário.

Saia do Brasil com seu chip internacional já funcionando no celular.


4 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente!
Por favor entre seu nome aqui