Snowdon: no topo do País de Gales

3
Snowdon

Subir até o topo do Snowdon foi com certeza a coisa mais legal dessa viagem para o País de Gales, e ironicamente a única coisa que eu e o Martin tínhamos certeza de que não faríamos. Mas, chegando lá, não dá pra evitar a empolgação ao ver o pessoal que vai apenas com esse fim. Isso sem contar que o Snowdon está sempre lá, despontando na paisagem, quase que te chamando! Como percorremos quase toda a região de carro, vimos o Snowdon de todos os ângulos possíveis (quase sempre em meio as nuvens, pois pegamos tempo nublado e chuva durante toda a estadia lá), mas em nenhum momento mudamos de ideia. Até o momento que fomos até o início de uma das trilhas. E aí mudamos de ideia.

A razão pela qual não queríamos subir o Snowdon era falta de tempo. Quer dizer, a gente queria explorar mais os vilarejos, lagos e outras atrações de Snowdonia, e sabíamos que subir o Snowdon tomaria um dia todo.

Snowdon
Começando a trilha Llanberis!

No nosso último dia em Snowdonia (de lá seguiríamos viagem para Anglesey) uma das primeiras paradas era a cidade de Llanberis, onde começa a trilha mais fácil para o Snowdon e de onde também sai o trenzinho lá pro topo (pois é! quem não quer subir na raça pode ir até lá em cima de trenzinho! Veja mais informações no fim do post). Estacionamos carro, demos uma olhadinha na estação e resolvemos dar uma olhada no ponto de partida da trilha. Ali havia uma placa explicando que aquela era a trilha mais fácil para chegar no topo do Snowdon: aproximadamente 14.5km (ida e volta) percorridos em 6 horas em média.

Então olhamos um para o outro e falamos: ‘vamos subir um pedacinho pra ver a paisagem e aí a gente volta?’ E claro que não voltamos. Uma vez que você começa a subir, não quer dar o braço a torcer e chegar lá no alto vira questão de honra! Até porque, essa era a trilha mais fácil, tinha bastante gente subindo, estávamos com nossas roupas apropriadas, barrinhas e água na mochila.

Subindo e descendo o Snowdon pela trilha Llanberis

Na prática, a trilha não é assim suuuper fácil. Pegamos chuva, sol, vento e frio, literalmente de tudo um pouco. A superfície muda bastante, e de uma hora pra outra um caminho relativamente fácil e quase plano fica bem inclinado e cheio de pedras. Da metade pro fim minhas pernas estavam com aquela sensação de ardência devido ao esforço, e rolava um medinho do chão escorregadio.

Viaje com internet no seu celular

Vai viajar para o exterior? Já chegue no seu destino com o celular funcionando. A EasySim4u oferece plano de dados ilimitados em 140 países, para que você fique conectado a internet. Utilize o cupom exclusivo para leitores do blog APRENDIZDEVIAJANTE e receba frete gratuito! Veja meu post: Chip EASYSIM4U: Como usar a Internet na Europa.

Eu não diria que é perigoso ou que você precise ter um super preparo físico, mas não se deixe enganar pelo fato de que essa trilha é a mais fácil. Ela requer esforço sim, e não dá pra ir achando que é um passeio pelo parque. Sem roupas e sapatos apropriados, ou sem carregar água e algo pra comer, não vá!

Snowdon
A primeira metade é bem mais fácil

Snowdon

Vimos muitos carneiros, bois e vacas pelo caminho. Eles pastam livremente por ali. A linha do trem vai praticamente paralela a essa trilha, então em todo o percurso você verá o trenzinho subindo e descendo várias vezes.

Os metros finais são intermináveis – ainda mais porque não conseguíamos enxergar nada, não dava pra saber o quanto faltava realmente. Dava pra perceber que estávamos perto porque chega um ponto em que todas as trilhas se encontram, e o caminho fica lotado!

Snowdon

Snowdon
Os trilhos do trem e um lago em meio a subida

A descida, claro, é mais rápida, mas também requer cuidado, principalmente nas partes mais inclinadas. Dei vários escorregões, mas felizmente não cheguei a cair. O bom é que, como você já foi até o topo e está mais relaxado, dá pra aproveitar mais a vista e apreciar a paisagem.

No total levamos 4 horas e meia – terminamos o passeio exaustos e doloridos, e realmente não deu pra fazer mais nada naquele dia, as pernas não aguentavam! No vídeo da viagem tem várias partes que filmei enquanto subia o Snowdon.

O topo

O Snowdon tem 1085 metros de altura, é o ponto mais alto do País de Gales e o segundo mais alto da Grã Bretanha. Como já falei antes, no dia que fizemos a subida estava muito nublado, então não dava pra ver nada lá de cima, estávamos literalmente em meio as nuvens. Mas foi incrível mesmo assim, tive uma sensação de missão cumprida e me achei super aventureira (podem rir!)!

Snowdon
Selfie no topo do País de Gales!

Antes de começar a descida, aproveitamos para ir no banheiro e comer alguma coisa no visitor centre que tem lá no alto. O lugar tem uma boa infraestrutura, e se você fizer o passeio até o topo de trem, é ali que vai chegar.

Outras trilhas

A trilha que começa em Llanberis é apenas uma das várias opções para subir e descer o Snowdon. O ideal, aliás, é usar duas diferentes, uma para subida e outras para descida, e assim aproveitar ainda mais o passeio. Achei o infográfico abaixo (leia mais aqui – em inglês) que explica melhor cada uma das trilhas – mas acho que a Llanberis é mais difícil do que colocam aí. Apesar da Llanberis ser a mais fácil é também a mais longa, então imagino que as outras sejam beeeeeeem inclinadas.

Snowdon Walks Infographic 610

Bom, como eu falei antes, fizemos a subida sem preparação alguma, então não rolou usar 2 trilhas diferentes. Mas se você ficou com vontade de subir o Snowdon, acredito que essa seja uma opção bastante interessante! Veja direitinho como você vai fazer para chegar até o ponto de partida e ir embora depois – existem estacionamentos em alguns pontos e também um ônibus que faz essa ligação e pode ser muito útil se você deixa o carro em um lugar mas desce pelo outro (Sherpa Bus, clique aqui para horários e linhas)

Snowdon

Snowdon

Snowdon Mountain Railway

Se você quer ir até o topo mas não está afim de fazer a subida propriamente dita, ou está com criança pequena, você pode ir de trem! A estação fica na cidade de Llanberis, e é aconselhável que a passagem seja comprada com antecedência pelo site. Esse é um passeio bastante popular, e há o risco de todos os trens estarem lotados.

Os trens funcionam todo dia, da primavera até o outono – mas se as condições climáticas estiverem ruins, eles podem fechar. A passagem de ida e volta custa £27, e a viagem no total leva cerca de 2 horas e meia (1 hora pra subir, meia hora lá em cima, e 1 hora pra descer). Existem dois tipos de trens, um mais moderno e outro puxado por uma locomotiva a vapor. Todas as informações de cada um deles, assim como horários e tickets estão no site, que é bem completo.

Snowdon
Passando no meio das nuvens na hora de descer
Snowdon
Não incomode os habitantes do Snowdon!
Snowdon
Llanberis e o lago (Llyn Peris) vistos da trilha

Vai Viajar?

Assine a Revista Aprendiz de Viajante! Assine a revista por R$ 120,00 + chip com 30 dias de internet ilimitada gratuita para usar em mais de 140 países!!!! Você sabia que o chip mais barato, de 5 dias, custa mais caro que a assinatura??? Então aproveite!!!! Assine agora.

Não esqueça de fazer o seu Seguro de Viagem, pois ele é obrigatório nas viagens para a Europa. Mesmo nos Estados Unidos, é altamente recomendado, pois como não existe saúde pública no país, qualquer problema mínimo de saúde pode resultar numa conta altíssima de hospital ou pronto socorro. Nós não viajamos sem seguro nunca. Faça sua cotação para encontrar o seguro que você precisa. Você pode pagar em até 12x no cartão ou ter desconto de 5% no boleto. Nossos leitores ainda recebem um desconto de 5% na hora de pagar. Use o código promocional: APRENDIZ5.

Reserve o seu hotel no nosso parceiro Booking

Precisa alugar um carro? Reserve o carro na RentCars. A cobrança será feita sempre em reais, sem IOF e você ainda vai poder dividir em até 12 parcelas no cartão de crédito ou ter um de 5% no boleto bancário.

Saia do Brasil com seu chip internacional já funcionando no celular.


3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente!
Por favor entre seu nome aqui